Publicado em Maternidade, Viagens

Precisando de Magia!

Disney

Olá,

Confesso que escrever e não ter ninguém lendo me desmotivou um pouco esses dias kkkkkkkk, mas não quis divulgar o blog entre meus amigos, nem tive tempo de visitar e comentar em outros blogs essa semana, então não posso reclamar 🙂

Estou as voltas com a organizaçao da viagem para NY, bem como com planos para visitar meu querido Mickey ainda esse ano, se Deus me permitir. Faz quase 8 anos que vou direto para Orlando, se tornou meu “resort”preferido, tem anos que vou para comprar, tem ano que vou só pra passear, mas pra mim o mais importante é ter esses dias com minha família num lugar pra lá de mágico.

Quem já teve a experiência de ir a Disney sabe do que estou falando, não estou falando apenas de parques, personagens, estou falando de MAGIA, um energia boa que contagia todo mundo e que eu adoraria que todo ser humano da terra tivesse pelo menos 1x na vida a chance de passar por isso.

Em alguns cursos empresariais que vim fazendo ao longo da minha carreira, tive a oportunidade de conhecer um pouco da historia do empreendedor Walt Disney, o que me fez ficar ainda mais apaioxonada por aquele império, seu respeito pelas pessoas é sensacional!!! Li diversos livros sobre o tema, bem como a biografia desse grande homem, muito inspirador.

Se tudo se concretizar, logo terei novidades e principalmente dicas e mais dicas sobre Orlando com duas crianças pequenas diga-se de passagem kkkkkkk, antes que alguém fale: “você é louca vai viajar com duas crianças pequenas para a Disney?” já vou adiantando, vou e não existe melhor lugar para ir com elas no mundo, estrutura, magia, alegria, família, união tudo isso num só lugar????

Minha filha de 4 anos já foi 3x, meu principe vai ter sua estreia agora….

Quem me acompanha nessa aventura??

Publicado em Maternidade

Fases da Maternidade: Mentira.

Olá,

A maternidade é marcada por fases e fases…. existe a fase do 100% dependente da mãe ao nascer, a fase da introdução alimentar, a fase da locomoção, fase das descobertas, da fala e por aí vai….

Com minha filha de 4anos estamos entrando na fase da personalidade, fase de definições segundo alguns psicólogos…e esse final de semana peguei sua primeira “mentira”:(

Na sexta a noite, percebi que ela estava com uma marca no braço, tipo queimadura. Perguntei e o diálogo foi assim:

Ela : foi no forno da Tia Rita…

Eu: quem é tia Rita??

Ela: a tia que faz lanche na minha escola.

Fiz um silencio….como assim ela se queimou na escola? nenhum bilhete? nenhum aviso?…a raiva passou por minha mente fervendo!

Conversando com meu marido, decidi abortar na escola com uma pergunta numa boa, e o fiz! Minutos depois a escola me liga: Olha conversamos com a Rita, com a Professora e com a Sophia, nesse momento a Sophia disse que se queimou em casa fazendo papinha junto com vc para o irmão. Ahhhhhhhhhhh??? como assim? Fiquei super sem graça, não sabia nem o que falar na hora, só conseguia pensar: Meu Deus minha filha está mentindo?? Se mentiu sobre mim, pode ter mentido sobre a Tia Rita, sim porque de mim TENHO CERTEZA QUE É MENTIRA! Eu não deixo ela na cozinha quando estou cozinhando, além disso a papinha esse final de semana foi feita pela minha secretária e não por mim 😦

Nossa, estou arrasada!!! Vou abordar o assunto mentir com ela mais tarde, mas sinceramente estou preocupada, sempre li estórias de pessoas com esses problemas com os filhos, mas nunca observei os desfechos. Espero ser apenas uma fase.

Publicado em Organização, Viagens

Viajar é bom demais.

SairpeloMundoPorOndeComecar

Olá,

Uma das coisas que mais me relaxa e me alegra é viajar com minha família.

Nos últimos anos, temos feitas inúmeras viagens e cada vez estamos focando mais e mais em guardar $$$ e comprar menos coisas para entulhar na casa… estamos aprendendo a comprar apenas o necessário, bem necessário.

Com essa mudança de vida, foco, temos conseguido realizar alguns sonhos, entre eles Disney Anualmente e um novo lugar a cada ano. 🙂

Você deve estar se perguntando e seus filhos?? Ué vão junto! Alguns vão concordar comigo, outros vão me achar louca, mas a verdade é que não fiz filho para os outros cuidarem, assim não me vejo curtindo, passeando, etc enquanto outra pessoa fica com eles.

Ah!! Mas nem é por isso…crianças dão trabalho…crianças não tem pique, etc etc….essas são algumas das inúmeras “conversas”que escuto…tento nem responder mais, mas uma coisa eu digo: criança dá trabalho em casa também, criança cansa em casa também… Com isso em mente, eu e o marido, sempre montamos uma viagem acessível para todos, sempre montamos algo sem muitas exigencias, sem muitos prazos e horários, curtimos um parque, um sorvete, enfim, curtimos NOSSOS FILHOS, também!

Assim, logo vou compartilhando com vocês dicas de viagens, restaurantes, etc

Vou mostrar como acompanho as promoções, como monto meus roteiros, como faço a poupança de viagens, assunto é o que não vai faltar 😉

O primeiro destino? Nova York…compramos a passagem numa super promoção ano passado e o dia finalmente está chegando (Obaaaaaa)

Publicado em Mundo Corporativo, Organização

Depois da Tempestade…

gtd-1

Olá,

Depois da tempestade de ontem, decidi tomar a rédea da minha vida e definir como farei as mudanças que são necessárias para que tudo se organize e eu possa ficar mais calma com relaçao a tudo que tenho que fazer e decidir.

A algum tempo venho lendo o Blog Vida Organizada desde o começo, com isso fui me interessando pelo metodo GTD até que comprei o livro “A Arte de Fazer Acontecer”, li em menos de 5 dias e confesso fiquei cheia de dúvidas, mas como a Thais mesmo fala em seu blog o método é para ser estudado, aplicado, testado e claro discutido.

Decidi montar o meu sistema de GTD, usando o livro, algumas coisas que eu mesma já fazia por intuição e testar outras que a Thais vai ensinando, vou contando aqui como estou me adaptando e claro como estao indo as coisas.

Esse fds aproveitei para montar meu “esquema”, apesar de adorar usar o notebook, celular, Onenote, etc, decidi fazer essa primeira fase em papéis rascunho, porque me sinto mais a vontade.

Comecei assim:

  1. Lista de Projetos – para cada um criei uma folha em branco, anotando tudo que me vem na cabeça sobre o assunto.
  2. Lista de Aguardando ( Estou chamando de Waiting) – Atividades que eu deleguei e espero retorno.
  3. Lista de Afazeres – Atividades que preciso executar, parar mais de 2 minutos para fazer, as que tem prazo eu estou grifando com marca texto para chamar minha atenção.

Agora, pretendo fazer um esquema de rotina, como agir todos os dias, qual o dia vou selecionar para fazer minha revisão semanal, etc.

Preciso ainda, definir e decidir como usarei a agenda do Outlook, se coloco só atividades que preciso estar fora do escritorio, ou se coloco todas, mas sem o timer.

Vou contando aqui 🙂

Publicado em Maternidade, Mundo Corporativo

Cabeça a 1000 por hora!

Cabeça 1000

Bom dia,

Vocês sabem aquele dia que parece que tem tanta coisa pra fazer, pra pensar, pra decidir e que sua cabeça até doi de tanta ideia e pensamento?? Pois é tive um dia assim ontem 😦

Quando decidi ser mãe de Dois, executiva, ter  casa, marido, irmãos, pais, planos, estudo, academia, trabalhar fora da cidade que eu moro, preservar minha independencia financeira, eu sabia que o desafio seria forte, mas confesso NUNCA imaginei que poderia não dar conta. Ocorre que ontem por um pequeno período de tempo passou pela minha cabeça “para com alguma coisa, você não vai dar conta…”

Acredito que ontem tive uma estafa mental, meu cerebro falou ou melhor Gritou: PARA QUE VOCÊ VAI TER UM TRECO!

Meu dia para terem ideia do que estou falando….

O dia começou cedo em casa, como foi pós feriado não consegui levantar e ir a academia, então levantei, me arrumei e preparei as crianças para a escola, nesse momento percebi que depois de 4 dias fora de casa, não tinha nada para o jantar, nem para as papinhas do meu Principe, já começou me bater uma angustia…. Resolvi: vou deixar o cartao com a empregada e ligo no Hortifruti, mando entregar algumas coisas pelo menos até sábado quando posso ir ao mercado/feira, foi o que fiz. Escrevi para ela o que queria de jantar e pedi tudo no Hortifruti que por sorte tem açougue também.

Deixei minha filha na escola e marido levou o bb para casa dos meus pais que estão viajando, mas ele fica com a baba lá(assunto para outro post), peguei os 40km de estrada diários que faço a mais de 12 anos e cheguei para trabalhar…não sei como é na empresa de vocês, mas aqui todos parecem que dormem pensando: o que vou pedir para ela(eu) amanhã cedo??, porque mal coloco os pés na empresa e já tem gente na minha mesa querendo coisa, pedindo informação, discutindo ideia…afffff, deixa eu chegar, deixa eu ligar o computador….. o dia transcorreu corrido, pois como a semana é curta tudo dá uma acumulada.

Decidi dar uma olhada em nosso orçamento doméstico: planejado x realizado e quase cai de costas ao perceber que estão saindo MUITO fora do planejado, não estamos devedor, nem nada disso (Graças a Deus), mas tenho retirado dinheiro da aplicação mais do que gostaria, tenho guardado menos do que pretendia…enfim, nosso orçamento está bem furado, como deixei isso acontecer?? Percebo que os últimos aumentos não entraram na conta, foram muitos e significativos: água( mais de 30%), luz (essa dobrou), gasolina (mais de 70%), alimentação então SURREAL, nosso supermercado está 54% mais caro, para as mesmas coisas que comprei em dez/2014. Vocês sentiram isso já???

Por volta das 16hs decidem fazer uma reunião que não estava agendada, querem minha presença ( como sou advogada, muitos departamentos me usam como “conselheira”para algumas decisões, visando fazer sempre o mais dentro da lei possível), fui para a reunião com a cabeça no relógio porque meu principe tinha pediatra as 17:30, lá fora uma baita chuva o que sempre dificulta o caminho na estrada… reuniao acaba 17:10, saio correndo para não atrasar, mas a estrada está com acidente e parada, ou seja, atraso mais de 30 min para chegar no pediatra…enquanto isso ligo na escola da Princesa para avisar que vou atrasar para buscá-la, a pessoa que atende não gosta da minha informação e avisa: só esperamos até as 18:30…..

MEU DEUS!!! além de ter que buscar o bb, levar ao pediatra (já atrasada ele passou um monte na minha frente e não posso reclamar) ainda tenho que fazer consulta vap vup para chegar logo na escola :(…. Recebo uma ligação de um advogado externo que presta uns serviços pra mim na empresa : “Dra a contestação do fulano não está protocolada no TRT..” ah??!!! como assim? O prazo foi dia 08/04, eu mesma protocolei, como não está??? E o infeliz cisma em falar (fora do horário de expediente) que não está!!! quase surtei…as lágrimas vieram no meu rosto, como dar conta de tudo que estava acontecendo? Parece pouco, mas unido ao dia cansativo, as tarefas que estão por fazer, ao acumulo de serviço na minha mesa nos últimos dias, as noites mal dormidas devido a amamentação, ao transito infernal que a chuva deixou, ainda tenho mais essa,  e o pior não tenho como conferir o notebook deixei na empresa, meu E-CPF tb, afinal em casa preciso dar conta das crianças.

Pediatra chamou, meu bb engordou bem, mas não cresceu… logo penso: mais isso?? E agora o que preciso mudar? fazer? Percebo que estou no pediatra sem uma única fralda/lenço, oro para que ele não faça coco senão como vou limpar??? Nossa que caos…com tudo acontecendo estou ficando desorganizada, nem uma bolsa com o básico para meu bb eu tinha no carro 😦 me senti péssima mãe….Então, nesse ponto já era péssima mãe ( Não peguei minha filha na escola na hora, tomei chamada da atendente da escola, atrasei para o pediatra, esqueci o kit básico), já era péssima profissional ( pois existia a possibilidade de ter “perdido”um prazo, estar desorganizada a ponto de não conferir o meu serviço), péssima dona de casa ( estava sem uma única maçã na geladeira para a volta do feriado)… só me faltava ser agora péssima esposa concordam?!! Pois é EU FUI !

Com tudo que aconteceu no dia, acabei ficando P**** com o marido que sequer me ligou para saber como estava meu dia, sequer perguntou se eu precisava de algo, sequer se preocupou com as observaçoes do pediatra…no final desabei…disse a ele: Preciso de ajuda ou não vou dar conta…preciso que assuma alguma coisa, preciso que divida comigo as responsabilidades, afinal divido com você o orçamento, porque não levo pouco $$ pra casa, meu salário corresponde a praticamente 50% da casa, ele só “ganha”de mim porque tem Horas extras e bônus, coisas que eu não tenho. Se eu parar de trabalhar hoje, nossa família sofreria um corte significativo nas suas atividades, escola das crianças, lazer, etc etc, então preciso de Ajuda! Pedi a ajuda…

Fiz o jantar (terminei porque Graças a Deus minha Secretário do Lar deixou tudo adiantado pra mim), coloquei as crianças para dormir e fui deitar…um enorme vazio, triste, chateada, com dor de cabeça…o marido? Foi assistir SP x Corinthians legal né? Nem um cafuné eu ganhei 😦

***PS: Ele não é mal marido, é carinhoso, atencioso, ótimo pai….massssssssssss vive no mundo dele, parece não perceber, não exergar nada, nem quando eu falo :(, conhece uma pessoa desligada? É meu marido!

Publicado em Apresentação

Apresentação

Avental Mulher Maravilha

Olá,

Resolvi criar esse cantinho para desabafos, teorias, ideias, metas, enfim tudo que passa na minha cabeça e as vezes não sei como expressar.

Vou começar contando um pouco de mim: Sou advogada em um grupo empresarial, responsável pelo Depto juridico do Grupo a mais de 10 anos, sou Assessora da Diretoria, Auditora Interna. Tenho 36 anos, sou mãe de uma princesa e um principe, ela com 4 anos, ele com 6 meses. Sou casada a 9 anos com uma pessoa sensacional, parceira, mas que como todos nós tem seus defeitos.

Meus hobbys preferidos são: ler, escrever, cozinhar, estudar, sou uma pessoa de papel e caneta, adoro uma lista, uma planilha, me organizar, organizar minha família, isso me deixa leve, feliz!!

Acredito que assim como eu, existam várias super mulheres! Digo isso porque estamos sempre cuidando de alguém independente de trabalhar fora ou não, estamos sempre a disposição, seja do marido, filhos, nossos pais…SuperMulheres são as que nasceram para dividir o tempo que tem com outras pessoas, assim se você se enquadra nessa descrição com certeza vai se identificar com muitos dos meus dilemas, dúvidas, angústias e cansaços.

Falaremos um pouco de tudo: casa, marido, maternidade, mundo corporativo, viagens, sonhos, metas, orçamento….

Quero nesse  cantinho dividir minhas experiências, saber como as pessoas fazem ou pensam aquilo que eu estou passando.

Adoraria que além de ler o meu espaço, você participe, dê sua opinião, troque teorias, afina’l ninguém nasceu numa concha para viver fechado né?

E você como é? Comece me contando um pouco sobre você, o que gosta?